Quando se ouve falar no termo “contação de histórias”, logo nos vem à cabeça a imagem da nossa avó ou de nossa mãe, com suas cara e bocas e um jeitinho especial de narrar. Às vezes nos vem à cabeça a imagem de uma senhora com voz mansa e estridente ao mesmo tempo, às vezes lenta e às vezes rápida até demais, com entonação e velocidade ditada pelo teor da própria história.

A história tem o poder de transformar valores e transformando os valores transformar vidas. O acesso...


Continuar lendo...