Treinamentos Experienciais e Vivenciais Outdoor X Efetividade de Aprendizado Coorporativo.

Por: Marcelo A. Homem de Mello (2013) 

Treinamentos ao Ar Livre, não são propriamente uma novidade no Brasil. TEAL® como é conhecido, foi concebido em seus moldes iniciais, por Dinsmore Associates em 1992. Seu idealizador, foi o Consultor Paul Campbell Dinsmore. De lá para cá, evoluiu muitíssimo, mas nunca perdeu a essência proposta por seus criadores, que era agregar de fato conhecimento. 

Paralelamente, um movimento surgia no Brasil, o movimento de incentivo à cultura de desenvolvimento organizacional, fomento e valorização do Capital Humano e Intelectual, valorizando competências, habilidades e atitudes em profissionais de primeiro escalão, CEO's, Diretorias e Gerencias Estratégicas. Passado mais de uma década, esta valorização de Capital Humano e Intelectual chega a quase todos os níveis organizacionais, do topo de comando até o chão de fábrica.

Até aí, o mundo coorporativo segue seu rumo. RH's tendem a modificar-se, ganhar em inteligência e alcance social,  deixando de ser puramente fazedores de folha de pagamento,  passando a ter uma maior participação e  poder decisório na hierarquia das empresas.

As políticas internas de Recursos Humanos começam a diferenciar-se, ganhar nova roupagem, modernizar-se diante da constante evolução e universalização do mercado de trabalho global. É forçado a ter um papel diferenciado, olhar aguçado, pensando na retenção de talentos, na competitividade de mercado, e sobre tudo em formar um "Bancos de Talentos", que em momentos de crise, possa lançar mão, compor suas equipes de alta performance, manter seus negócios dentro de patamares aceitáveis de realização.

O desafio maior, ter colaboradores comprometidos, vai muito mais além de cargos e salários, passa pela compatibilidade, pelo alinhamento de valores dos colaboradores, com os valores da organização, passa pela uniformização  de cargos e funções, em conformidade com o Cadastro Brasileiro de Ocupações - CBO.

Sem mais delongas e apresentações, como é que chegamos até aqui, a aplicação e desenvolvimentos de Treinamentos Especiais Outdoor?

Depois de anos e anos, horas e horas em sala de aula, auditórios, salas de convenção, com seus carpetes e ar condicionado cheios de ácaros, cadeiras desconfortáveis, biscoitinhos, litros de café e chás sem gosto, começamos a nos questionar da nossa efetividade como agentes de transformação. Começamos uma reflexão sobre a efetividade destas longas horas de preparação de Power Point, da geração de conteúdos "Ctrl -C" / "Ctrl-V" da internet, do parafrasear de autores consagrados e, na maioria, modelos enlatados americanos.

Assistíamos de camarote, à uma profusão de cursos e treinamentos livres. Livres é a denominação perante o Ministério da Educação e Cultura, que não exerce qualquer tipo de controle por sob os mesmos, que por sua vez são verdadeiras máquinas "Caça Níquel ", com eficácia contestável. Alguns com vista a entreter os participantes, apresentam truques de mágica, shows de entretenimento, e mega coffe break. Pirotecnia a parte, são conteúdos vazios, que como não conseguem agregar conteúdo, e por sua vez recompensam seus participantes com gorduras e carbohidratos, mascarando a falta de qualidade nos seus oradores e palestrantes.

Recentemente, participei de um treinamento, palestra, show ou lavagem cerebral, não sei dizer ao certo, com mais de 250 pessoas em sala, que por muito pouco não fui convencido de "abdução" e "extra-terrestres" entre nós. Ceticismo a parte, a entidade promotora do evento é muito sólida, reconhecidamente eficiente, mas o conteúdo nada tinha ha ver com "espaço sideral" e "viagens interplanetárias", era conteúdo organizacional.

Vem deste quadro a nossa preocupação de ser verdadeiramente promotor de mudanças. Transformar a vida pessoal e profissional das pessoas, em algo melhor, agregando conteúdos sólidos, com bases científicas comprovadas, vindas das mais novas descobertas da Psicologia Organizacional, do Coaching, das Neurociências, da Programação Neurolingúistica - PNL e dos melhores e maiores "casos de sucesso", em organizações que exercitam de fato as melhores práticas organizacionais.

Inspirado em Confúcio, resolvemos dar os primeiros passos;

                "O que eu ouço, eu esqueço. O que eu vejo, eu lembro. O que eu faço, eu entendo."

Optamos por ferramentas avançadas, algumas oriundas do TEAL® e adaptadas, outras por nós desenvolvidas, baseados em nosso conhecimento de atividades radicais, em vista a utilização como mecanismo transformador,  "vetor" de aprendizagem, de nossos anseios transformadores.

Principal objetivo com a modalidade de Treinamento Coorporativo Outdoor, é agregar de fato conhecimento por experimentação, vivência de campo e integração sustentável.

Assim planejamos e executamos nosso primeiro Treinamento Especial ao Ar Livre em Pernambuco ocorrido no dia 02 de março do corrente ano. Aconteceu em Recife-PE, e teve como local das atividades de campo, a Estância Turística de Bonito-PE. Bonito foi escolhido, devido a sua proximidade da capital pernambucana, e por apresentar condições ideais para nossas atividades, apresentando uma hotelaria de boa qualidade, áreas de Mata Atlântica  razoavelmente bem preservadas, e ter ainda uma condição climática bem favorável. As Cachoeiras, entrariam como recompensa no treinamento, mas devido ao período de estiagem, pouquíssimas chuvas, as cachoeiras que ainda não estão secas, apresentam um baixo fluxo, mas que não chegou a impactar negativamente. Conseguimos na Cachoeira da Pedra Redonda, um bom lugar de descanso e renovação de energia.

Saindo de Recife em ônibus fretado, O treinamento contou com vinte e cinco participantes e seis facilitadores. Já no percurso entre Recife e Bonito, dentro do ônibus da RCR Transportes, são apresentadas dinâmicas de "Quebra Gelo", que tem a finalidade de integrar o grupo. A dinâmica da vez foi a contação de história brilhantemente desenvolvida pelos mediadores Ana Carla Albuquerque e Marcopolo Marinho, Diretores voluntários do Instituto Viva História, e encenada sob o texto "Histórias do Bicho Homem e o Touro Valente", baseado em contos populares de Luís Câmara Cascudo em fábulas regionais. Cumpre seu objetivo, diverte e integra a todos. Alguns "teasers", textos provocantes, foram introduzidos por Ana Carla, que paulatinamente foi pondo todos para pensar sobre as melhores práticas organizacionais, Liderança e sobre o dia que se apresentava diante de todos. Chegando a Bonito, após um farto café da manhã que antecipadamente já nos esperava, deslocamo-nos rapidamente para as trilhas, objeto de nosso Treinamento. Logo de cara, desembarcamos e recebemos as primeiras instruções do dia. A Bióloga, Doutoranda, Tássia de Sousa Pinheiro apresenta aos participantes, o bioma local, enfatiza os cuidados que temos de ter, ao adentrar em um local de mata de Mata Atlântica, como fazê-lo de forma sustentável, sem atuar como agressor do meio ambiente. Tássia tem a colaboração de Cícero, Cicinho para os mais próximos, guia local, que nos acompanharia por todo o percurso, de forma profissional, alegre e pró-ativa.

Passado esta fase introdutória com a bióloga, os grupos foram a experimentar sensações de orientação natural e instrumentada, com a utilização de bússola, experiência que visa melhorar a localização espacial, direção e sentido, aguçando os sentidos para o percurso de trilha a pé que enfrentaríamos por todo o dia de atividades práticas. Dinâmicas seguem-se, "Se joga no mundão", "Dança das Laranjas", "Campo Minado" e outras que visam despertar o inconsciente e aflorar sensações e gerar experiências agregadoras. Acabamos suprimindo uma ou duas dinâmicas do dia, devido ao deslocamento do grupo, o que não atrapalhou de maneira nenhuma o bom dia de atividades. Sempre temos de ter atividades ou dinâmicas "coringa", "cartas na manga", que suprimimos ou introduzimos de acordo com o ritmo de cada grupo. Esta sensibilidade, encontrar o ritmo ideal para cada atividade, para cada deslocamento, para cada ponto neutral, onde se realiza o abastecimento de água, fotos e o grupo descansa, é o "gargalo" desta atividade, o ponto crítico, a busca pelo equilíbrio e prazer na realização do dia de atividades.

Creio termos sido muito bem sucedidos neste ponto, pois harmonicamente chegamos todos ao ponto final da trilha e das dinâmicas, dentro do cronograma previamente estabelecido e cronometrado, conseguimos manter a disciplina de horários em praticamente todo o percurso.

Entre saída e retorno ao Recife, foram quase vinte horas de convivência, e os resultados práticos da atividade, muito satisfatórios, superando em quase tudo, as nossas expectativas como organizadores e gestores do Treinamento.

Acreditamos que todos os participantes, organizadores, veículos de imprensa, mídia, Prefeitura de Bonito, Bonito Plaza Hotel, MXA Fight Wear e todos do mix de infraestrutura envolvidos, esforçaram-se para manter os níveis de excelência em alto padrão, fato que transformou o evento em sucesso.

Um dia inteiro de convivência, atividades práticas, desafios e superação.

Esperamos replicar a experiência muitas e muitas vezes ainda, criando assim uma cultura nova, em torno do desenvolvimento de pessoas e empresas, com inteligência e sabedoria, e que certamente vão resultar em melhores resultados sustentáveis para todos. .

Muito grato Pernambuco pela excepcional acolhida.

Quem sobreviveu que conte!

Prof. Marcelo António Homem de Mello: Psicólogo Organizacional, MBA Liderança, Coaching Pessoal e Profissional, Headhunter nas horas vagas. Atuou nos ultimos vinte e cinco anos, no eixo São Paulo X RJ, em Grupos como Camargo Correa e Votorantin, e agora fixa residência em Recife - PE, para onde traz sua plataforma profissional.
Contato: transformesuavida@hotmail.com ou TIM (81) 9714-9064 VIVO (81) 8158-7557

Este texto é de responsabilidade do seu autor não refletindo, necessariamente, a opinião do Portal Ferramentas Gerenciais.

Ferramentas Gerenciais - O Portal da Administração na Web - Artigos para consulta nas áreas de Administração Estratégica, Administração Geral, Marketing, Gestão da Qualidade, Estatística, Processos Decisórios, Logística, Meio Ambiente, E-commerce, Gestão com Pessoas, Vendas, Psicologia, Vendas, Negociação, Tecnologia da Informação, Empreendedorismo, comunicação, oratória e muito mais.